quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Vazio.

Leio-te. Leio o teu espaço. O teu canto. O teu blogue. Leio. Que queres ir ao Japão. Que Ela é o teu momento Zen. Leio. Coisas antigas.

São antigas. Velhas. Anteriores a nós. Verdade. Tudo.

Mas então? Porque continua? Porque continua a doer cá dentro?

Adoro-te. Fazes-me feliz. Tens sido tudo para mim.
Daí a importância. Das palavras. Que são proferidas. De tudo.
Daí a importância. Do teu passado. De tudo. O que é teu.

1 comentário:

Rochinha * disse...

Parece que sofremos tds do mesmo =\

*